post_id: 9230

Caixa Automática usados em Matosinhos.

Caixa Automática

A caixa automática é um assunto bastante debatido. Há quem defenda que tira o prazer da condução e há quem defenda que é a melhor coisa que inventaram. Tal como em todas as tecnologias, tem as suas vantagens e desvantagens e evolui bastante ao longo dos anos.

A primeira coisa a ter em conta é que um carro de caixa automática não se comporta como um carro de caixa manual. Isto pode parecer óbvio mas visione o seguinte caso. Na caixa automática travar e acelerar torna-se muito mais fácil o que pode incentivar uma condução mais ofensiva, no entanto tem de se lembrar que se o carro atrás de si não tiver transmissão automática muito provavelmente não vai conseguir travar tão rápido e de forma suave, o que pode causar constrangimentos.

Vamos começar pelo simples. A caixa automática comum tem quatro a cinco posições:
P (parque)
R (reverse)
N (Neutro)
D (Drive)
S (Sport)

O Parque não é o travão de mão!
Esta só deve ser ativada depois de parar o carro e acionar o travão de mão. Há alguma discussão sobre colocar ou não o carro na posição Neutro quando parados por exemplo em semáforos, no entanto quando se fala de paragens superiores a poucos segundos esta opção é recomendada pela maioria, para reduzir as vibrações no habitáculo.

Nunca tente mudar as posições no manípulo com o carro em andamento! Parece óbvio mas não é difícil fazê-lo nem que seja inconscientemente devido ao hábito de colocar as mudanças na caixa manual.

Entre as vantagens e desvantagens há vários pontos e argumentos. A caixa automática que de momento não é ideal para todos, há quem a adore e quem a dispense. Para pessoas com pouca experiência de condução ou com dificuldade física em meter mudanças a caixa automática é o sonho, facilita muito a vida e torna a condução muito menos cansativa em situações de pára/arranca. Para outros que se distraem facilmente e sentem fadiga a caixa automática pode ser um perigo. Estes carros exigem menos atenção por parte do condutor pois a condução é essencialmente acelerar e travar.

Se há tema sobre o qual há consenso é a época de transição. É preciso ter muito cuidado com diversos aspectos quando se faz a transição entre caixa manual e automática. Para começar o pé esquerdo torna-se inútil, o melhor é nos primeiros tempos manter este pé para trás ou até debaixo da perna para impedir os seus instintos de o fazerem travar ou acelerar bruscamente.

Se as caixas automáticas são ou não o futuro é um assunto ambíguo mas o que é certo é que a melhor forma de saber a qual se adapta melhor , é fazer um test-drive.

Style Selector

Primary Color